18 de janeiro, segunda-feira

NBR de instalações elétricas: conheça as principais Normas ABNT para eletricistas

NBR de instalações elétricas

Freepik

Para fazer um serviço com total segurança e cumprir com uma padronização que garantirá a qualidade no resultado final, todo eletricista deve ter um amplo conhecimento das Normas da ABNT sobre instalações elétricas e/ou correlatas. Ou seja, as normas importantes para as boas práticas neste setor.

Os projetos elétricos têm a intenção de garantir a satisfação do proprietário de uma casa, empresa, edifício ou um outro espaço que dependa de energia. Quanto melhor for a desenvoltura dos trabalhadores envolvidos, maiores são as chances dos resultados suprirem as expectativas do cliente.

Nos tópicos abaixo, aparecem as principais Normas para instaladores e projetistas conhecerem, suas características e propostas.

Normas referentes aos materiais e boas práticas no serviço

NBR-9050 – ACESSIBILIDADE A EDIFICAÇÕES, MOBILIÁRIO, ESPAÇOS E EQUIPAMENTOS URBANOS

Para garantir a presença da acessibilidade no projeto elétrico, a NBR-9050 tem a proposta de garantir que o resultado final de uma reforma ou obra contemple as condições de cada morador ou público daquele ambiente.

Por exemplo, na construção de lugares públicos são considerados aspectos como rampas na entrada do estabelecimento às pessoas com dificuldade de locomoção, informações em braile em locais pertinentes e outras medidas que tornam possível a mobilidade e o bem-estar dos indivíduos naquele lugar.

NBR-13534 – INSTALAÇÕES ELÉTRICAS EM ESTABELECIMENTOS ASSISTENCIAIS DE SAÚDE – REQUISITOS PARA SEGURANÇA

A NBR-13534 diz respeito às instalações elétricas de baixa tensão, normas importantes que garantem a segurança e o bom funcionamento das instalações elétricas em áreas ligadas à saúde. O intuito é que o profissional sempre trabalhe de maneira preventiva a fim de impedir qualquer flagra ou má consequência no sistema elétrico.

NBR-13570 – INSTALAÇÕES ELÉTRICAS EM LOCAIS DE AFLUÊNCIAS DE PÚBLICO – REQUISITOS ESPECÍFICOS

Com o propósito de garantir a integridade do público, a NBR-13570 traz regras que impedem qualquer possibilidade de incêndio ou choques elétricos em lugares que apresentem uma grande movimentação diária de pessoas.

NBR-14136 – PLUGS E TOMADAS PARA USO DOMÉSTICO E ANÁLOGO ATÉ 20A/250V EM CORRENTE ALTERNADA – PADRONIZAÇÃO

A NBR-14136 para instalações elétricas é focada na padronização de plugues e tomadas. Segundo o que ela propõe, a tomada precisa ser de apenas dois modelos: de 10 A e de até 20 A. Os plugues precisam se encaixar devidamente nessas duas condições.

RESOLUÇÃO RDC Nº 50 (RESOLUÇÃO DE DIRETORIA COLEGIADA – REGULAMENTO TÉCNICO PARA PLANEJAMENTO, PROGRAMAÇÃO, ELABORAÇÃO E AVALIAÇÃO DE PROJETOS FÍSICOS DE ESTABELECIMENTOS ASSISTENCIAIS DE SAÚDE) – DA ANVISA (AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA)

A saúde sempre deve ser colocada em primeiro plano e é necessário que os estabelecimentos que prestam serviços que garantem a qualidade de vida da população sigam algumas padronizações para ofertar uma adequada prestação de serviço.

Com isso foi criada a Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) de Nº 50, um regulamento técnico que garante a segurança dos pacientes e também a responsabilidade e comprometimento do público interno nas soluções propostas nesse segmento com os devidos equipamentos.

Normas adicionais para projetos com rede de dados

Devemos ainda registrar que quando se tratar de projetos de redes de dados, que sempre estão associados às instalações elétricas, se faz necessário ainda, nos determos em duas outras normas a saber:

NBR-14565 – CABEAMENTO ESTRUTURADO PARA EDIFÍCIOS COMERCIAIS E DATA CENTERS

A NBR-14565 propõe a padronização de um sistema de cabeamento estruturado. As normas auxiliam o eletricista a fazer esse serviço de maneira correta nos projetos em edifícios.

NBR-16415 – CAMINHOS E ESPAÇOS PARA CABEAMENTO ESTRUTURADO (ESPECIFICA A ESTRUTURA E OS REQUISITOS PARA OS CAMINHOS E ESPAÇOS, DENTRO OU ENTRE EDIFÍCIOS, PARA TROCA DE INFORMAÇÕES E CABEAMENTO ESTRUTURADO, DE ACORDO COM A NBR-14565)

O eletricista precisa agregar o conhecimento da NBR instalações elétricas do tópico anterior com a NBR-16415 que propõe de forma específica quais são os caminhos e espaços em uma cabeamento estruturado.

Algumas informações em relação a manutenção de instalações elétricas

O ideal é que todas instalações elétricas possuam um atestado de conformidade destas instalações. Embora ainda não obrigatória, esta conformidade já é exigida por alguns órgãos/entidades. O Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo criou uma INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 41/2011 – INSPEÇÃO VISUAL DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS DE BAIXA TENSÃO, DO CORPO DE BOMBEIROS DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO.

Apesar de ser uma instrução do estado, deveria ser utilizada por todos. Essa padronização facilita o trabalho do Corpo de Bombeiros em fazer uma análise preventiva e identificar qualquer risco de incêndio no local.

Neste artigo você conferiu alguns tipos de NBR instalações elétricas para que seus projetos elétricos sigam as normas e evitem qualquer tipo de riscos. Portanto, considere cada uma delas e sempre fique atento aos assuntos relacionados a sua área.

Para contribuir no seu aprimoramento profissional, indicamos como conteúdo complementar a esse o artigo sobre erros mais comuns em projetos elétricos.

4 de janeiro, segunda-feira

Tipos de canaletas: materiais, formatos e opções DUTOTEC®

Canaletas de alumínio

Para oferecer as melhores soluções em projetos elétricos, todo profissional de engenharia deve ter total conhecimento dos tipos de canaletas (também conhecidas como dutos) para escolher aquela que melhor se adequa ao ambiente em questão.

Os serviços prestados ao cliente devem sempre contemplar as expectativas dele. É interessante seguir o que está no escopo com propósito de garantir a satisfação do consumidor e fazer com que ele se orgulhe do investimento em parceria com o seu negócio.

Portanto, vamos conhecer em mais detalhes quais são os tipos de canaletas mais procurados, seus formatos e as melhores opções DUTOTEC®!

Materiais de fabricação das canaletas

O profissional pode contar com dois principais tipos no mercado: as canaletas de PVC, as canaletas de chapas metálicas pintadas ou galvanizadas e as canaletas de alumínio, também pintadas ou naturais. Sendo a primeira a mais popular entre essas escolhas, porém a segunda é muito utilizada e a terceira é a mais durável, segura e recomendada.

Na intenção de não deixar a fiação à mostra e levar total segurança para uma família ou colaboradores de uma ambiente corporativo, estes materiais servem principalmente no acabamento de paredes, teto, demais locais que dispõem de uma considerável quantidade de fios e na instalação de tomadas, interruptores e outros acessórios.

Muitas destas canaletas podem, também, ser instaladas sob o piso ou embutidas neles.

Ademais, as canaletas de PVC na cor branca carregam a desvantagem de ficarem amareladas por conta do desgaste do tempo.

Já as chapas metálicas são bastantes flexíveis, visto que possuem as paredes com pequena espessura, além de estarem sujeitas a ação da ferrugem, mesmo as pintadas, embora com menor intensidade — aspectos estes que não estão presentes em canaletas de alumínio.

Até porque as canaletas de alumínio, devido à presença do metal, garantem também a blindagem eletromagnética, que leva mais segurança no aspecto de influência das redes de instalações elétricas nas redes de dados e comunicações.

Outro ponto bastante interessante é sobre os projetos focados em lugares com maior circulação de pessoas, pois as canaletas de alumínio reduzem as falhas na conectividade, previnem surtos elétricos e a danificação em determinados equipamentos.

Formatos de canaletas

Além de saber os principais tipos de canaletas, o engenheiro precisa ficar atento à questão dos formatos, o que popularmente chamamos de condutos (é o elemento de linha elétrica, destinado a conter condutores).

Em suma, eles podem ser abertos e fechados.

No caso das canaletas abertas, existem os seguintes modelos:

  • bandeja, nas opções lisa ou perfurada;
  • escada para cabos, também conhecida como leito;
  • perfilado sem tampa, considerado uma versão reduzida das bandejas.

Quanto às canaletas fechadas, são esses modelos os mais comuns:

  • canaletas de parede, muito utilizadas em escritórios, instalações comerciais ou em locais de uma residência, onde for preciso ampliar as instalações existentes;
  • eletrodutos, normalmente instalados de forma embutida, podendo ser metálicos ou de PVC rígidos;
  • eletrocalhas, as quais também podem ser lisas ou perfuradas.

Importante: sempre vale ressaltar que todos os modelos de canaletas devem estar de acordo com a regulamentação exigida na NBR 5410.

Além disso, vale se atentar a uma nova Norma, a NBR IEC 61084 de 11/2020 – SISTEMAS DE CANALETAS (SC) E ELETRODUTOS NÃO CIRCULARES (SENC) PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS – REQUISITOS GERAIS. IEC – INTERNATIONAL ELECTROTECHNICAL COMMISSION (COMISSÃO ELETROTÉCNICA INTERNACIONAL).

Canaletas DUTOTEC®

A segurança das instalações e satisfação dos clientes deve estar acima dos fatores de escolha dos materiais. Por isso, a DUTOTEC® é a melhor parceira para ajudar profissionais a agregarem mais valor às soluções das suas obras.

Confira nossas principais opções de canaletas:

Standard

Dispomos dos modelos de 25 e 45mm de altura, ambas tendo 73mm de largura Elas apresentam septos divisórios internos, extrudados quando da confecção da eletrocalha.  Ideal aos engenheiros que querem garantir a blindagem eletromagnética nos projetos.

Todas possuem tampas, que fixadas sob pressão fazem a perfeita isolação para blindagem eletromagnética.

Canaleta de Alumínio Linha Standard Dutotec

Dutotec R40

As canaletas Dutotec R40 contribuem para uma alta performance, podendo ter o diferencial da pintura NO-BACT, inibem a proliferação de bactérias na superfície pintada. Sendo que amostras aplicadas com este tipo de pintura tiveram redução microbiana superior a 99,9%.

A fabricação dos dutos e seus acessórios é de 95% em alumínio, tendo as canaletas dimensões 117 mm(L) x 35 mm(H).

Canaleta de Alumínio Linha R40 Dutotec

Dutotec SLIM 

As canaletas Dutotec SLIM, utilizadas para uma baixa capacidade de cabos, são instaladas de forma muito usual, sobre o piso. Porém, nada impede seu uso em paredes.

São totalmente em alumínio, inclusive sua tampa, o que provoca uma alta resistência em relação ao trânsito de equipamentos e pedestres.

Canaleta de Alumínio Linha Slim Dutotec

Dutotec X

Esse é um dos tipos de canaletas focadas em instalações residenciais e de escritórios. É totalmente feita com alumínio, diferentes opções de cores para a tampa e apresenta um excelente custo benefício.

Canaleta de Alumínio Linha DutotecX Dutotec

Dutotec ROD

Focada no acabamento de piso ou parede. Assim como a canaleta apresentada no subtópico anterior, ela não solta a tampa. Possui porta equipamentos (locais onde se instalam as tomadas) articuláveis, de forma que, quando recolhidos, o acessório desaparece.

Canaleta de Alumínio Linha Dutotec ROD Dutotec

Duto Canal

Indicada nas instalações de piso elevado, concreto e para uma alta capacidade de cabos. Um produto 100% nacional com barras de 3 metros e que apresenta mais qualidade e eficiência no dia a dia. Pode ser usado como “leito de cabos”.

Apresentado em duas versões: tradicional e light.

Canaleta de Alumínio Duto Canal Dutotec

Dominando os tipos de canaletas, seus formatos e as melhores opções da DUTOTEC, fica mais fácil garantir que o seu projeto seja totalmente seguro e funcional.

Ficou com dúvidas? Quer saber mais sobre nossas opções? Deixe um comentário ou entre em contato no site da DUTOTEC!